A limpeza industrial pode salvar (ou parar) a sua produção

Diante de um cenário tão competitivo, é importante cuidar da estrutura que já se tem para evitar problemas no futuro. As paradas nos processos e até as quebras de equipamentos, por exemplo, podem ser minimizadas com uma limpeza industrial ou manutenção predial  adequada.

E não é só isso! Quando se tem uma limpeza industrial bem executada, também evitamos a proliferação de microrganismos e bactérias causadoras de problemas de saúde. Como é o caso do SARS-Cov-2, causador da COVID-19, grave doença respiratória com manifestações digestivas e sistêmicas. 

Tudo que pode parar uma fábrica ou indústria pode ser evitado com uma limpeza industrial profissional, desde que o serviço seja feito da maneira adequada. Unindo essa atividade com os outros pontos da gestão industrial é possível ter benefícios ainda mais visíveis. 

Quer entender como a limpeza de uma indústria funciona na prática e quais são os erros mais comuns durante o processo? Acompanhe o conteúdo que preparamos a seguir. 

O que é limpeza industrial?

É um serviço que faz a higienização de todos os equipamentos e superfícies utilizadas em uma indústria, retirando não somente resíduos materiais e o acúmulo de sujeira, como também microrganismos e bactérias. Na limpeza industrial, pode-se incluir uma série de tarefas direcionadas de acordo com as necessidades da operação. Aqui não falamos apenas do serviço de limpar, mas também de toda a logística e gestão que o envolve como os profissionais envolvidos, planos de trabalho, equipamentos e produtos. 

Vale lembrar que a limpeza industrial não se destina apenas às grandes fábricas. Mas também para pequenas oficinas, centros de distribuição, escritórios corporativos e até cozinhas, onde a higienização cotidiana não é suficiente.

Quais são os benefícios da limpeza industrial?

Sem dúvidas, a limpeza do espaço de trabalho promove uma série de benefícios, além de dizer muito sobre a administração da companhia. Conheça alguns benefícios que a limpeza industrial promove:

  • Menos riscos dos colaboradores desenvolverem doenças;
  • Promove o bem estar dos funcionários;
  • Deixa a rotina mais organizada e produtiva;
  • Evita a quebra e prolonga a vida útil equipamentos; 
  • Garante a qualidade dos produtos e serviços oferecidos;
  • Promove a segurança de todos os envolvidos nos processos industriais.
  • Atende a diversas exigências legais de acordo com o segmento da indústria.

Como funciona na prática a limpeza industrial?

Agora que você já sabe o que é limpeza industrial, vamos ver como fazer a higiene da sua fábrica.

O primeiro passo é avaliar as necessidades saber quais equipamentos, produtos e profissionais são necessários para limpar e desinfetar todo o ambiente. Assim que definir tudo isso, escolha os locais onde serão implantados a limpeza industrial e como se adequar às legislações. É necessário um diagnóstico e planejamento inicial para que a operação seja eficiente. 

Vale lembrar que, com as demandas em mãos, o gestor precisa ter atenção redobrada quanto à aquisição dos produtos apropriados para limpeza industrial. Afinal, cada detalhe do maquinário exige produtos específicos para remover sujeiras e microrganismos, com agentes saneantes e químicos preparados. 

Depois de avaliar tudo isso, é hora de criar um cronograma de atividades para o planejamento semanal ou mensal das funções, assim como o levantamento dos profissionais responsáveis. 

Lembre-se que essas pessoas precisam usar EPIs (equipamentos de proteção individual): óculos, luvas, botas e outros acessórios adequados e exigidos para cada tipo de atividade. 

Você pode deixar todo esse processo nas mãos de uma empresa especializada em limpeza industrial. A GFacilities, por exemplo, tem uma equipe treinada e qualificada para demandas técnicas, como limpezas de reservatórios, sanitização, tratamentos de espaços industriais e corporativos. Desde o diagnóstico, planejamento, execução e gestão de todo o processo da limpeza industrial profissional. Se esse é o seu desafio, aproveita e peça um orçamento ou pré-projeto grátis clicando aqui.   

Dessa forma, você não precisa se preocupar com cada etapa da limpeza industrial, pois tudo estará sob controle e funcionando em alta performance. 

Quais são os principais erros da limpeza industrial?

A verdade é que sua empresa não terá benefícios nenhum com a limpeza industrial se fazê-la de maneira inadequada. Existem erros (comuns, inclusive) que podem afetar a produtividade de toda a equipe e até parar a operação. 

Para que você não caia em nenhuma armadilha, selecionamos os cinco principais erros da limpeza industrial. Saiba quais são:

1- Uso de produtos inadequados…

Se você optar por fazer a limpeza industrial sem o auxílio de uma empresa especializada, a primeira coisa a se preocupar é com os produtos higienizadores utilizados. 

Por exemplo, você sabia que utilizar sabão em pó ou líquido na limpeza do piso da indústria é um erro que reduz sua vida útil? Esses produtos são destinados para limpar tecidos, e quando usados incorretamente, podem levar à perda de brilho e a deterioração dos revestimentos. 

Dessa forma, é possível dizer que utilizar produtos adequados para limpeza industrial te oferece resultados mais promissores e até mais economia. 

Além disso, dependendo dos produtos utilizados e do escoamento de resíduos industriais, pode ser poluente para o meio ambiente e causar problemas à indústria no caso de uma fiscalização ambiental ou do trabalho. É por isso que é importante usar produtos de selo verde, como fazemos em nossas rotinas aqui na GFacilities

2 – … E equipamentos também!

Alguns equipamentos e ferramentas não foram desenvolvidos para a limpeza pesada de uma indústria, o que contribui para a falta de eficiência no processo. 

O ideal é usar lavadoras e outros tipos de máquinas varredoras para uma limpeza mais eficaz e rápida. Equipamentos de limpeza residencial, por exemplo, fazem com que a equipe perca muito mais tempo para atingir os resultados esperados. 

Investir nos equipamentos corretos é uma parte importante da limpeza industrial, uma vez que os colaboradores têm sempre ao alcance tudo aquilo que precisam para que tudo saia da maneira esperada e principalmente, segura. 

3 – Não ter um cronograma de limpeza industrial

Não é novidade que o planejamento é uma das partes mais importantes de qualquer corporação, certo? Neste sentido, é evidente a necessidade de montar um cronograma de limpeza, um plano de trabalho a ser seguido. 

O ideal é que o planejamento das ações seja feito de acordo com a periodicidade com que cada ambiente e equipamento necessita. Além disso, também é válido analisar os melhores horários e datas para não atrapalhar o trabalho da equipe. É preciso levar em conta os turnos de trabalho e horários de funcionamento de cada departamento, um grande desafio de logística muitas vezes.

4 – Misturar produtos químicos

Esse é um erro bastante comum nos processos de limpeza industrial. Ele também acontece devido à falta de conhecimento dos funcionários, o que merece atenção especial do gestor de limpeza.

De forma resumida: misturar um produto de limpeza com outro produto de limpeza corta a eficácia de ambos, além de comprometer a saúde de quem está os manuseando. 

Um exemplo que podemos citar é a mistura de água sanitária com limpadores industriais. Apesar de parecer uma fórmula imbatível contra as bactérias, isso pode gerar uma reação química extremamente tóxica e ineficaz. 

Caso seu funcionário desenvolva problemas de saúde, sua empresa pode pagar uma indenização altíssima por acidente de trabalho. 

5 – Limpar incorretamente equipamentos eletrônicos

O que muita gente não sabe é que nem todo equipamento eletrônico precisa ser limpo com produtos químicos. 

Computadores, por exemplo, podem ser limpos apenas com um pano úmido ou espanadores. Assim como outras máquinas da indústria precisam de cuidados especiais para não ter danos na sua estrutura. 

É preciso certificar-se de todos esses detalhes para não ter que lidar com problemas maiores, como corrosões e curto circuito. Um erro desses pode levar um ou mais funcionários a ficarem parados por pane nos computadores, ou seja, mais prejuízo por falta de uma gestão de limpeza industrial profissional.

Chegamos ao final do conteúdo de hoje sobre limpeza industrial. Lembre-se sempre de fazer o planejamento prévio e instruir seus funcionários sobre os cuidados em cada etapa do processo. 

Não cometa os erros que falamos acima e nem deixe a indústria levar prejuízo por falta de profissionalismo na limpeza industrial. Aproveite para conhecer a GFacilities. Temos uma série de serviços para diferentes segmentos para assegurar a funcionalidade do ambiente e a integração de pessoas, atividades e tecnologias. Peça um orçamento sem compromisso aqui. 

0 comentários

Comentários